Vidas Inspiradoras – Marisol!

Lencinhos a postos? No quadro VIDAS INSPIRADORAS de hoje, vocês conhecerão a história da Marisol, que por aqui já é conhecida como Sol, a enfermeira especializada em oncologia que se tornou paciente, após um câncer de mama.

Para refrescar a sua memória, a Sol participou do ensaio Segredo de Divas e sua história despertou o interesse de muitas pessoas.

Recebemos  vários “Como assim ela é enfermeira e virou paciente?”. Quem já fez quimioterapia sabe da enorme importância dessas  enfermeiras na vida do paciente oncológico. Ela é um desses anjos que cuidam de nós durante as infusões de quimioterapia.

 Com a palavra, Marisol!

“Bem Plena!
Comparo a vida ao mar. Sempre admirei muito essa força da natureza que me denomina.  Meu nome é Marisol.”

62d3af0c-ec89-47c0-81d0-5a3c177793c6

“Sempre pensei nos dias bons como num mar calmo, um dia ensolarado e água de temperatura agradável. Ao contrário, nos dias difíceis me sinto em um mar revolto, ondas gigantes e céu de chumbo.
Digo pra você: estou bem no meio de uma tempestade, ondas enormes tem se revezado, e estive próxima, pelo menos uma vez de me afogar.”

5f97018d-2608-48c6-9faf-889e8e333fae
“Começando pelo início, tenho 42 anos e sou a filha do meio, minha irmã mais nova chama-se Aline e é minha melhor amiga. Meu irmão mais velho faleceu há 17 anos num acidente de moto. Meu pai é falecido e minha mãe tem tentado furar comigo as ondas nesse momento.
Casei cedo e tive três filhas. A mais velha chama-se Celina e tem 21 anos, estuda medicina numa universidade federal em outro estado; a do meio é Glória e tem 19 anos, estuda teatro profissionalizante e sonha cursar faculdade de cinema; Marina, minha caçula tem 16 anos, está terminando o ensino médio e ainda não decidiu no que pretende se formar. Três jóias : inteligentes, feministas, lindas e solidárias. Meu orgulho é enorme pelo que se tornaram.”

8a207190-0aa5-43ca-883b-8be597c32669
“Fui casada durante vinte anos e estou me divorciando nesse momento (considero essa a primeira onda que veio depois de um tempo de mar relativamente calmo rsrs).
Sou enfermeira, me formei há 18 anos pela UNIRIO. Duas meninas nasceram durante a graduação e a terceira durante a pós graduação (residência em enfermagem) que fiz, logo em seguida da faculdade. Estudei ONCOLOGIA CLÍNICA no Instituto Nacional do Câncer.
Tempo difícil, de pouco dinheiro e muito sacrifício e do qual sinto um misto de saudade e orgulho.
Estou atualmente de licença médica, mas trabalho em um hospital da prefeitura do Rio de Janeiro,  a noite em um centro cirúrgico de emergência, atendendo a baleados e politraumatizados em geral, sou líder de uma equipe de quatro meninas maravilhosas que amo e de quem sinto muita saudade. Tenho um outro emprego num hospital Federal no setor de Oncologia Clínica, onde presto assistência a pacientes durante os ciclos de quimioterapia. Adoro trabalhar ali, amo meus colegas de trabalho e os pacientes oncológicos.
No último mês de setembro programava a segunda quinzena para desfrutar de um mar calmo rsrs, estaria de férias dos dois empregos, meu aniversário se aproximava (adoro fazer aniversário) e estava com muitas expectativas boas.
No dia 05 fui a terapia com minha psicóloga e na saída vi que havia no celular uma chamada não atendida da Glória, retornei a ligação e ela me disse que tinha ido para a final num concurso de poesia que participara na Bienal do livro, fiquei muito feliz, e disse a ela que me esperasse porque iria buscá-la para comemorarmos juntas. Neste dia, vestia um vestido longo muito decotado, e para compor coloquei um bustiê preto que combinava com ele. Fiz cirurgia bariátrica há 12 anos e como perdi muito peso fiz mamoplastia redutora com prótese de silicone. Aconteceu que o bustiê empurrou a prótese para baixo e durante o trajeto, ao volante percebi o nódulo, lembro exatamente do ponto que estava do percurso e naquele momento tive a visão da grande onda que se aproximava no mar da vida. Tive ali a certeza dada pelos anos de experiência e pela formação, somada a intuição de que aquele nódulo tratava-se de um câncer.”

57d6a7f2-1390-44c9-95a0-bb45a57d37fa
“Há exatamente um ano atrás havia feito uma cirurgia nas mamas para troca das prótese, com pré operatório com direito a ressonância magnética e tudo e pensei que se tratava de um nódulo novo e que havia crescido rápido, rápido demais.
Dia 06 estava de plantão e mostrei o nódulo para uma médica oncologista, colega de trabalho, que agora é minha oncologista. Ela me examinou e solicitou uma ultrassonografia e uma ressonância magnética. Já no primeiro exame, de ultrassom realizado no dia 12 a médica que o realizou me disse que se tratava de um nódulo muito suspeito. Seguiram-se oito dias exaustivos de exames sem fim e no dia 20 de setembro, dia do meu aniversário, as 22 horas, minha oncologista me ligou e me deu o resultado da biópsia. Carcinoma ductal infiltrante – Grau 3 com imunohistoquimica triplo negativo.”

 

 

“Sigo em quimioterapia desde 21/09 e fiz um exame solicitado por um geneticista chamado Painel genético de câncer de mama e descobri nesse exame que tenho mutação genética do gene BRCA 2, o que segundo meu geneticista me põe em risco de 70% de um novo câncer na mama sadia e 30% de risco de um câncer de ovário. Tenho programação para o início de abril de mastectomia bilateral com reconstrução imediata, não sei ao certo se precisarei fazer radioterapia e devo posteriormente, provavelmente no segundo semestre, retirar os dois ovários.
Muitas outras ondas vieram nesse intervalo, tive um extravasamento de quimioterapia vesicante em minha pleura devido a um cateter implantado mal posicionado e estive no CTI por seis dias, tive perda salarial que impôs mudanças na minha vida e na vida das meninas, entre outras ondas menores.
Tenho recebido ajuda e apoio de meus familiares, em especial minha mãe, irmã e filhas, de meus colegas de trabalho (minha antiga chefe, hoje aposentada, vem ao hospital e me acompanha em todas as quimioterapias, são 16 rsrs).
Sigo como escrevi no título desse relato, BEM PLENA, vivendo a vida de forma integral e intensa e buscando felicidade nas pequenas coisas e pequenos momentos.
Creio que vou superar com fé em Deus e auxílio dos meus amados essa fase de mar revolto e desfrutar ainda de muitos dias de águas claras e sol.
Não acredito que CID (Código internacional de doenças) possa definir minhas chances de felicidade ou mesmo me definir.
Não sou um câncer de mama, sou mulher, mãe, filha, irmã, amiga, amante e enfermeira. Sou mais do que a doença diz que sou e posso mais do que ela diz que posso! Sou feliz! Sou plena! Sou Marisol!”

 

Esperem um pouquinho aqui pelo blog, por favor. Caiu um cisco no meu olho. Eu vou ali limpar e já volto.

Antes de ir, só vou dizer uma coisinha: filha, mulher, enfermeira, mãe de 3 meninas lindas, bariátrica, divórcio, câncer de mama, implante de cateter, quimioterapia, complicações sérias com o cateter (ela foi boazinha com os detalhes nesta parte da história, porque a coisa foi bem séria), UTI, retirada do cateter, retomada do tratamento, mutação genética, MODELO, DIVA,  tudo isso e mais um pouco acontecendo ao mesmo tempo… mas querem saber? Ela é PLENA mesmo!!! Não é só no discurso, não! É na  vida mesmo.

Eu vi e senti a energia de perto. Ela é PLENA de verdade! Diria que é meio ninja também. Rs.

Perguntei para as filhas dela, no dia do ensaio das Divas: “Uau! Ela é sinistra, né?” As duas responderam em uníssono: “Ela ééé! “.

Brinquem aqui pelo blog que eu vou cuidar desse cisco no olho e já volto. Beijinho.

3 comentários em “Vidas Inspiradoras – Marisol!

Adicione o seu

  1. Minha Mar&Sol. Sobrinha, afilhada, amiga…neste tempo você oferece um verdadeiro banquete de sabedoria e fé, convidando amigos para celebrar a vida! Compartilhando plenitude e inteireza de um relacionanento intenso com o Deus todo poderoso que re escolheu paea brilhar na escuridão e inspirar nossas vidas dissipando as trevas do medo da finitude de todos nós. “Onde está oh morte a tua vitoria? Onde está o teu aguilhão?” O meu Redentor Vive!

    Curtir

  2. Muitas das vezes acontecem coisas nas nossas vidas que perguntamos pra Deus…pq isso Deus??? Onde devemos perguntar pra que isso Deus???
    E Ele vai nos responder… Eu não deixo vc passar por provas q vc não vai aguentar, pra vc vai ajudar muitas pessoas a se levantar, a se erguer em meu nome…

    E vc está cumprindo muito bem c seu chamado… Parabéns!!!

    Curtir

  3. Ela é a pessoa mais bem resolvida que eu já conheci! Por ela tenho um imenso amor e admiração. Uma amiga maravilhosa, PLENA no sentido íntegro da palavra e que vive intensamente independente das circunstâncias! Vc é abençoada e Deus tem cuidado de ti em seu infinito amor. Seja sempre esta autêntica MARISOL!!!!!!!Te amo amiga linda!

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: