CÂNCER DE PRÓSTATA

É muito comum a equipe do Viver Eu Quero receber sugestões de pauta dos  leitores e ultimamente temos chegaram muitos pedidos para falarmos sobre câncer de próstata. E pedido de leitor por aqui é ordem, minha gente!
Batemos um papo com o Dr. Bruno Vargas, oncologista clínico e coordenador do Centro de Estudos do grupo CON – Centro de Oncologia.

Confira nosso bate-papo.

VIVER EU QUERO (VEQ) – Dr. Bruno, vamos começar pelo básico: quais são os sintomas do câncer de próstata e quais as formas de rastreamento?

Dr. Bruno Vargas (BV) – Os principais, mas não os únicos sintomas incluem dificuldade para urinar, jato de urina fraco, dor ao urinar, vontade de urinar com mais frequência, porém conseguindo urinar pequenos volumes de cada vez, disfunção erétil, sangue na urina ou no líquido seminal.

(VEQ) – Existe um grupo de risco que merece uma atenção especial?

(BV) – O risco para desenvolvimento de câncer de próstata vai aumentando com a idade, homens mais velhos tem risco maior, além daqueles com histórico de parentes de primeiro grau que tiveram câncer de próstata também tem um risco aumentado.

(VEQ) – A ideia de fazer exame do toque retal ainda gera certo desconforto ou  constrangimento para alguns homens. Como o senhor costuma orientar pacientes que manifestam este sentimento?

(BV) – Infelizmente ainda há muita resistência por parte dos homens para realizar o exame do toque, por isso é muito importante um trabalho de conscientização e desmistificação do exame, mostrando o quanto é importante o diagnóstico precoce para o sucesso do tratamento.

(VEQ) Existem outras doenças com sintomas semelhantes ao câncer de próstata, como é o caso da hiperplasia prostática benigna. O senhor pode explicar, resumidamente, aos nossos leitores o que é essa condição, se ela é grave ou danosa, se é mais ou talvez menos comum do que o câncer de próstata e como se dá seu tratamento?

(BV) – A hiperplasia benigna da próstata é o aumento de tamanho da mesma, causando sintomas de obstrução na uretra e dificultando a micção. É uma condição muito mais frequente do que o câncer de próstata, totalmente benigna e não aumenta o risco de desenvolver o tumor da próstata. O tratamento é feito pelo urologista, através de medicamentos específicos para diminuir o tamanho da próstata.

(VEQ) No que consiste a prostatectomia radical, quando ela é indicada e quais são os efeitos colaterais esperados deste procedimento?

(BV) – É a remoção completa da próstata através de uma cirurgia realizada por um urologista. É muito difícil dizer de forma resumida quais as indicações pois são vários fatores que devemos levar em conta para fazer essa indicação. Quanto às sequelas que a cirurgia pode deixar, as principais são incontinência urinária e disfunção erétil.

(VEQ) Após todo o tratamento, os níveis de PSA são monitorados, mas em alguns casos é possível sua alteração sem que isto implique no retorno da doença, correto? 

(BV) – O acompanhamento após o tratamento é feito basicamente pelos níveis de PSA, porém para pacientes tratados com a prostatectomia radical (remoção da próstata), qualquer elevação de PSA já é suspeita de retorno de PSA. Já para pacientes que fizeram tratamento com radioterapia, hormonioterapia, quimioterapia ou outras modalidades não cirúrgicas, é sim possível que um aumento no PSA não seja relacionado ao retorno da doença, e sim a outras condições benignas que afetem a próstata, como hiperplasia benigna ou prostatites por exemplo.

(VEQ) Mais alguma consideração?

(BV) – É muito importante ressaltar a importância do diagnóstico precoce do câncer da próstata, e para isso, é necessário realizar periodicamente os exames de PSA e toque retal com o urologista. Homens a partir dos 45 anos já devem iniciar esse acompanhamento.
_________________________________________________

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: